Manifesto contra privatização e demissões bárbaras de contratados na TIC

Importante: este manifesto não é uma apologia aos desocupados ou crítica gratuita à empresa. Trata da defesa dos interesses da própria PETROBRAS e dos sagrados direitos dos empregados contratados, que têm emprestado a sua genialidade e esforço a esta empresa durante muitos anos, e merecem nosso profundo respeito, porque são Gente como a Gente, trabalhadores, e nunca serão meros serviços!

Enquanto a PETROBRAS investe milhões na grande mídia para difundir, em comemoração dos 60 ANOS o seu brilhante slogan, “GENTE é que INSPIRA a GENTE”, mais que inspirado…, que traz felicidade e até arrepia ao ouvir…

Enquanto o Código de Ética da PETROBRAS, em seus princípios, impõe enfaticamente já no item primeiro que: “O respeito à vida e a todos os seres humanos, a integridade, a verdade, a honestidade, a justiça, a eqüidade, a lealdade institucional, a responsabilidade, o zelo, o mérito, a transparência, a legalidade, a impessoalidade e a coerência entre o discurso e a prática são os princípios éticos que norteiam as ações do Sistema Petrobras”…

Enquanto entre os dez compromissos da Diretoria ETM, constam: “1. Conduzir nossas atividades com ética e transparência”… e “5. Cuidar das pessoas, preservar o meio ambiente e garantir a segurança operacional”…

Vemos na TIC um panorama muito diferente: (1) a INcoerência entre o discurso e a prática, que viola flagrantemente o Código de Ética… (2) a total falta de compromisso com o Cuidar das Pessoas e com a Segurança Operacional… o que destoa dos compromissos assumidos… enfim… vemos no ambiente atual da TIC, entre petroleiros e contratados, um cenário dantesco de demolição… fato lamentável e bárbaro… digno dos primórdios da revolução industrial…e da exploração do trabalho… perpetrado por verdadeiros “Snakes in Suits”… sem a mínima sensibilidade humana ou de gestão…

Mesmo que esse desmanche fosse necessário… e NÃO é… ninguém merece ser aterrorizado / demitido deste modo… nem o pior dos vagabundos… num final de ano e sem qualquer consideração…

Enfim, vemos de um lado, Profissionais fantásticos – contratados – com 8, 10, 12 ou mais anos de casa… muitos dos quais praticamente criados dentro dessas paredes e que deveriam ser PREMIADOS pela excelência do trabalho realizado… sendo jogados para fora… como TRAPOS VELHOS… Capital intelectual e Humano que é descartado de forma alucinada, sem o mínimo cuidado e respeito…

De outro lado, Jovens Petroleiros sendo coagidos por gerentes a sujar as mãos com o ‘sangue dos inocentes’… orientados a ligar o ‘sugador de cérebro’ em suas ‘vítimas contratadas’… com a ‘missão’ de conseguir absorver o conhecimento das mesmas em prazos de 2 a 6 meses… antes da degola… Um absurdo até mesmo técnico numa área de alta tecnologia, considerando-se as premissas básicas do que é uma “Curva de Aprendizado”… Além de um profundo tormento moral… a decisão entre NÃO obedecer e ser perseguido, tendo a carreira comprometida… OU obedecer e atentar contra a própria consciência e valores… e ainda mais… com o compromisso de guardar absoluto… SIGILO…

Será mesmo que tais ordens, que afrontam o Código de Ética e os Compromissos da ETM… merecem ser abrigadas pelo compromisso do… SIGILO ? Ainda em tempos de LAI (Lei de Acesso à Informação) ? Ou essas ordens merecem ser colocadas rapidamente sob a ‘luz da candeia’ que ilumina…? Afinal, existem ou não existem os compromissos reais com a transparência, com a coerência entre o discurso e a prática e com o Cuidar das Pessoas?

MUITO PIOR… em tempos de Espionagem Cibernética… até por potências estrangeiras ‘amigas’, enquanto a Presidente da PETROBRAS vai ao Senado da República garantir que a empresa está investindo bilhões em Segurança da Informação… a TIC joga fora parte dos PRINCIPAIS PILARES da segurança da informação: (1) os profissionais contratados que têm o conhecimento, comprometimento e que vestem a camisa dessa empresa há muitos anos… isso porque Segurança da Informação tem muito mais a ver com pessoas que com aquisição de Hardware e Software… e (2) a infraestrutura de TI, que está sendo PRIVATIZADA, colocando servidores, Storages, Bancos de Dados e Sistemas sob a administração de empresas terceirizadas… ou seja, o mesmo que colocar “Gambás para tomar conta de Galinheiros”… e cláusulas contratuais de sigilo (o OBAMA que o diga)… não garantem nem NUNCA garantiram nada nesse mister…

Portanto, esse manifesto BRADA POR QUEM tenha ouvidos de ouvir… olhos de ver…e poder para decidir e rever… no entendimento que “Buscar Inspiração nas Pessoas presume respeitar cada uma dessas pessoas e manter um ambiente onde todos se sintam felizes e motivados”… petroleiros e contratados… para a harmonia e o bem comum, a serviço de uma PETROBRAS cada vez melhor, construída por Mentes Brilhantes e Geograficamente Dispersas”…

1. Pela mudança imediata da estratégia atual, de desmanche e desrespeito ao trabalhador, prevenindo muitos prejuízos futuros à PETROBRAS…
2. Pelo respeito ao Código de Ética e aos Compromissos da ETM !!!
3. Contra a privatização disfarçada da TIC e de outras áreas da companhia…
4. Por uma primeirização verdadeira e consciente!
5. Pelo respeito e valorização que merecem os companheiros contratados, gente como a gente!!!

Artigo escrito pelo petroleiro Eng. Celio Franco, PMP/CRISC

21 Comentários

  1. Altamir says:

    Parabéns ao colega Petroleiro (com “P” maiúsculo), Engº Célio, pela coerência e coragem.

    Responder
  2. Ricardo Maçol says:

    Mais uma vez endosso e faço minhas as palavras do amigo Celio. Só lamento o tempo decorrido entre a data do envio da mensagem e a divulgação da mesma por esta entidade sindical. Menos mal, tendo em vista que a FUPelega nada fala ou faz em prol de tantos colegas de trabalho que, como nós de crachá verde, contribuíram para a grandeza da NOSSA Petrobras e agora estão sendo descartados como baterias velhas.

    Responder
    • Wagner Bastos Ferreira says:

      É isso ai Maçol , recebi a mensagem original há algum tempo e repassei para a minha lista , agora fico feliz com a repercussão , antes tarde do que nunca. Espero que alguém sensato na direção leia e aja. Quanto a FUP, não alimento nenhuma esperança , vai continuar agindo como o avestruz.

      Responder
  3. Andre Martins says:

    Parabéns ao autor do artigo, Sr. Celio Franco. Que sua visão possa contaminar os corredores da companhia e que o respeito aos companheiros terceirizados impere. Não são recursos de TI como hardwares e softwares que podem ser descartados como se não houvesse utilidade, são o capital intelectual por trás das conquistas da companhia. São pessoas com conhecimentos que por vezes vão além de sua área de atuação e na grande maioria empregam todo seu esforço para fazer da Petrobras o que ela é hoje. Parabéns ao Celio, e parabéns a todos os profissionais terceirizados que compõem esta empresa.

    Responder
  4. Joana says:

    Uma baita sacanagem!!! a Petrobras faz concurso e não chama. Exemplo o concurso da TBG em 2006 e 2008 onde varias pessoas passaram em primeiro, segunto, terceiro lugar e ninguem foi chamadas!!! Enquanto várias pessoas entram pela janela na Petrobras.

    Responder
  5. Rodrigo PrestServ says:

    Muito bom saber que existem petroleiros que também sentem com a despedida de nós, contratados, que sempre nos esforçamos muito para ajudar esta Empresa a crescer.
    Se querem cortar custos, cortem outras regalias (como este marketing exagerado de 60 anos).
    Como em qualquer país desenvolvido, os recursos humanos da empresa (próprio ou não) deveria ser preservado para conseguir criar novas receitas. São uma peça imexível, mesmo em crise.

    Responder
  6. Celio Franco says:

    O SILÊNCIO DOS BONS…
    Em primeiro lugar, agradeço, muitíssimo, os amigos(as) que têm apoiado este manifesto, seja divulgando-o entre os pares, seja assumindo o apoio como o Altamir, Maçol e André… OBRIGADO MESMO… mormente o RICARDO MAÇOL, a quem pouco conheço pessoalmente, mas que se mostra um camarada de dignos princípios e muita coragem… como poucos!!!

    Segundo: o SILÊNCIO dos BONS… seja por timidez, MEDO, apatia ou qualquer outro… deixa o campo entregue ao domínio dos MAUS, que como vírus, destróem tudo que realmente vale a pena em nossas vidas…

    Uma empresa só têm função para atender às expectativas e necessidades de nós trabalhadores… SERES HUMANOS… sejam verdes, marrons, azuis ou de qualquer outra cor… e não apenas aos interesses de tubarões investidores… já bilionários… ou seríamos mesmo ‘like a virus’ … como disse Mr. Smith a Morpheus na gloriosa MATRIX ? Não podemos nos conformar NUNCA com a destruição gradativa e a morte da alegria no lugar onde passamos a maior parte das nossas vidas… o Nosso Trabalho !!!

    Como já dizia o grande Martin Luther King: “o que preocupa não é o grito dos violentos nem o barulho dos corruptos, dos sem caráter ou dos sem ética. O QUE PREOCUPA É O SILÊNCIO DOS BONS” … e relembrando o Mestre dos Mestres: “o que fizerdes a qualquer um desses pequeninos… é a mim que o fareis…” e… “não se pode servir a Deus e a Mamon”… portanto, temos que escolher de que lado estamos… se quisermos mesmo transformar essa empresa, esse país e esse nosso mundo num lugar melhor e mais agradável de se viver…

    Responder
  7. Bruno says:

    Perfeito! Até que enfim alguém pra divulgar o que está realmente contecendo aqui de forma tão clara e direta! Parabéns!

    Responder
  8. Bruno says:

    Gostaria de ver um vídeo, como os institucionais da empresa que passam em horário nobre na Globo, mostrando tudo o que acontece aqui neste exato momento. Contratados da TIC sendo demitidos após mais de 15 anos de trabalho aqui dentro. Eles e suas famílias sendo despejados sem nenhuma dignidade e gratidão. E que coloquem a mesma música de fundo!

    Responder
  9. Sérgio Lista says:

    Parabéns! É exatamente isso. Somente uma pessoa que tenha um profundo conhecimento desta empresa e dos profissionais terceirizados que aqui trabalham durante vários anos, contribuindo e agregando valor à esta empresa é que consegue ter uma visão tão clara desta situação humilhante.Sinto o mesmo e concordo totalmente com seu manifesto. Nos sentimos impotentes e envergonhados..

    Responder
  10. Ronaldo says:

    Tenho uma dúvida.
    A Petrobras fala tanto em RESPONSABILIDADE SOCIAL, e nesse momento está mandando embora inúmeros contratados da área de TI.
    Isso também não é MAIS UMA INCOERÊNCIA, dentre as várias já citadas pelo nosso colega Célio?

    Responder
  11. Magda Barbosa says:

    Agradeço a defesa do colega Celio, tem muitos contratados bons trabalhando mais de 10 anos que não merece uma sacanagem dessa, a TIC se preocupa em ficar contratando modelos pra desfilar nos corredores de perna de fora, e os besta petroleiros andoram ficar babando. Pra trabalhar na TIC tem que ser modelo, então as feias se preparem pra ir pra rua..

    Responder
  12. Gerson says:

    Realmente está de parabéns e acho que todos deveriam estar aqui postando os parabens para mostrar o apoio as palavras verdadeiras do nosso amigo Célio.

    Responder
  13. Bruno says:

    Célio, assino embaixo.

    Responder
  14. Contratado says:

    Parabéns!!! Como já disse o Célio: O SILÊNCIO dos BONS… seja por timidez, MEDO, apatia ou qualquer outro… deixa o campo entregue ao domínio dos MAUS, que como vírus, destróem tudo que realmente vale a pena em nossas vidas…

    Responder
  15. Alexander Luna says:

    Parabéns ao artigo escrito pelo petroleiro Eng. Celio Franco. Muito bom saber que existem petroleiros que enxerga nosso trabalho sem descriminação de cor(verde, amarelo, marrom e etc). Estou a 11 anos prestando serviço a Petrobras e acho isso uma baita sacanagem.
    RESPONSABILIDADE SOCIAL (ZERO).

    Responder
  16. Alguém contratado says:

    Caro amigo,
    Parabéns pela coragem e obrigado por nos defender!
    Ps: Tenho 10 anos de casa.

    Responder
  17. Jorge says:

    Parabéns ao colega Celio pela coragem e precisão nos comentários. Para quem vive a Petrobras todo dia, quem sua a camisa e faz de tudo para fazer valer os princípios da empresa, realmente é uma gozação ver a propaganda institucional feita.
    O dia-a-dia da empresa denota exatamente o contrário em todas as áreas. O ser humano está em segundo plano, vive-se no limite do certo e enfrentamentos entre ordens corporativas e princípios ocorrem diariamente em todos os níveis.
    Aquele que não se verga sob o peso da hierarquia é colocado para escanteio e os que seguem o rebanho são abandonados a própria sorte no primeiro viés de ordens irresponsáveis e levados a julgamento por aqueles que as deram.
    As estatísticas vão mostrar quem estava certo.

    Responder
  18. Contratado says:

    Parabéns e obrigado!

    Responder
  19. Paulo Simões says:

    Amigo Célio, bela iniciativa de “colocar a boca no trombone”. Sempre fico muito desconfiado, até mesmo “enojado”, quando vejo na tv, propagandas lindas, com gente sorridente, fingindo que está trabalhando feliz e um locutor de voz doce e carregada de emoção, dizendo coisas maravilhosas sobre a empresa (propaganda de banco é a mesma coisa).

    Responder

Deixe um comentário