FNP repudia ataque antissindical da Transpetro e manifesta apoio ao ex-diretor do Sindipetro-RJ

Wesley dos Santos Brito foi transferido compulsoriamente do CNCL no último dia 06/06 após o fim do seu mandato como dirigente sindical

A Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) expressa seu total apoio e solidariedade ao ex-diretor do Sindicato dos Petroleiros do Rio de Janeiro (Sindipetro-RJ), Wesley dos Santos Brito, diante do ataque antissindical promovido pela direção da Transpetro, no último dia 6 junho de 2024.

A transferência compulsória de Wesley do Centro Nacional de Controle e Logística (CNCL) para o TECAM, em Duque de Caxias (RJ), ocorrida logo após o término de seu mandato como diretor do Sindipetro-RJ, no dia 31 de maio, é um claro exemplo de perseguição antissindical.

Até a última quinta-feira, Wesley constava nos quadros de empregados do CNCL, com a sua vaga devidamente assegurada. No entanto, a Transpetro passou a alegar que não há mais vagas disponíveis naquela unidade e por isso realizou a transferência do petroleiro.

Essa é uma vergonhosa tentativa de intimidar os trabalhadores e enfraquecer a representação sindical na indústria do petróleo.

A FNP repudia veementemente essa medida arbitrária e não aceitará nenhuma afronta aos trabalhadores e aos sindicatos.

Em apoio às ações já iniciadas pelo Sindipetro-RJ, a FNP também tomará todas as medidas cabíveis, sejam elas administrativas, jurídicas e de mobilização da categoria, para reverter essa injustiça cometida contra o petroleiro Wesley dos Santos Brito.

Nos somamos à convocatória do Sindipetro-RJ para reunir a categoria nas assembleias desta semana, deliberando uma resposta contumaz ao ataque da Transpetro.

Não vamos normalizar qualquer prática antissindical da Petrobras ou das suas subsidiárias!

Não vamos permitir perseguição aos nossos companheiros e companheiras!

Pelo retorno imediato do companheiro Wesley dos Santos Brito ao CNCL, já!

MEXEU COM UM, MEXEU COM TODOS!

 

Federação Nacional dos Petroleiros

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2024

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp