Notícias

Secretário Geral da FNP participa hoje de reunião com Lula e Marinho

FNP defende imediato aumento real e significativo do salário mínimo e a revogação total da Reforma Trabalhista

18/01/2023
Secretário Geral da FNP participa hoje de reunião com Lula e Marinho

Nesta quarta-feira (18/1), o Secretário Geral da FNP - Federação Nacional dos Petroleiros - e dirigente do Sindipetro-RJ, Eduardo Henrique, que também é membro da Executiva Nacional da CSP-CONLUTAS, participará da reunião das Centrais Sindicais com o presidente Lula e o ministro do Trabalho e Emprego (MTE), Luiz Marinho, no Palácio do Planalto, em Brasília.

A ideia do governo para este encontro é formalizar um Grupo de Trabalho sobre a valorização do salário mínimo, a regulação da reforma trabalhista e do trabalho em aplicativos, além do fortalecimento da negociação coletiva. 

Na oportunidade, ressaltaremos nosso apoio à pauta dos entregadores de aplicativo e entregará o impresso com os 10 pontos programáticos do Congresso da FNP e o Dossiê Jurídico que detalha as irregularidades na venda de diversos ativos, apresentado anteriormente ao GT do Governo de Transição. 

Na nossa pauta, estão também aspectos relacionados à saúde do trabalhador, como a luta contra a simplificação das NRs e o estabelecimento de um limite para a exposição ao benzeno.

Oportuno ressaltar que os entregadores têm todo nosso apoio e antecipadamente alertamos que não admitiremos qualquer repressão ou retaliação.

Salta aos olhos a necessidade emergencial da revogação total da Reforma Trabalhista e criação de uma legislação específica para os entregadores, que impeça a super exploração vigente.

Este é um tema crucial para nossos colegas petroleiros terceizados com os quais temos que lutar por uma padronização de direitos digna nos contratos, ao passo que lutamos pela primeirizaçâo de toda a Petrobrás, inclusiveaproveitando a experiência daqueles lotados nos diversos contratos.

A documentação a ser entregue pela FNP inclui um levantamento detalhado das irregularidades encontradas em diversas vendas, com um capítulo à parte sobre privatização da Petrobrás Biocombustível - PBIO.

As medidas emergenciais do governo também devem interromper a sangria desatada do PED, pagar as dívidas da Petrobrás e retomar nossa AMS, com a qualidade que merecemos, em especial os companheiros aposentados.

Paralelamente, a FNP aguarda o agendamento de reuniões com o Ministro de Minas e Energia e com o futuro presidente da empresa, para os quais firam enviados a mesma documentação. 

Ofício enviado parao Ministro de Minas e Energia.

Tags fnp lula congresso petrobras brasil

Contato

Av. Passos, 34 - Centro
Rio de Janeiro/RJ
CEP 20051-040 Telefone: 21 2263-5147
fednacpetroleiros@gmail.com

Newsletter

Assine nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos