Depois de 5 anos sem negociação, trabalhadores da Refinaria de Manguinhos (RJ) fecham ACT

Depois de 5 anos sem dialogar com a direção, trabalhadores da Refinaria de Manguinhos, localizada no Rio de Janeiro, fecham Acordo Coletivo de Trabalho (ACT).

De acordo com Ivan Luiz de Andrade, diretor da Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) e do Sindipetro-RJ, e Antonio Furtado, diretor do Sindipetro-RJ, o ACT não foi o acordo dos sonhos mas, entedem que seja o início para a voltar a cobrar avanços nas relações de trabalho. Segundo Furtado, o ACT  fechado "não foi uma conquista. É um direito dos trabalhadores", afirmou.

Próximas reuniões sobre o ACT ainda devem acontecer em meados deste ano. Assista ao vídeo dos diretores, comentando o ACT de Manguinhos.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp