Solidariedade e luta

Na manhã desta quarta-feira (6), diretores do Sindipetro Litoral Paulista e Sindicato dos Metalúrgicos estiveram no PAT Cubatão, onde a Comissão de Desempregados realiza suas assembleias, para dialogar com os trabalhadores e distribuir o boletim da Frente Sindical Classista sobre a famigerada reforma da previdência.

Além de denunciar a perversidade da proposta, os dirigentes apelaram à unidade e mobilização de toda a classe trabalhadora para as necessárias lutas que deverão ser travadas ao longo de 2019.

Desde 2015, e especialmente nos últimos dois anos, os petroleiros vêm fortalecendo o trabalho de solidariedade e união com as demais categorias de trabalhadores do Polo Industrial de Cubatão.

Não importa a categoria, nem a situação atual a que está submetido. Seja petroleiro, metalúrgico, desempregado, terceirizado, concursado, toda a classe trabalhadora hoje sente os efeitos das contrarreformas de Temer, tais como a reforma trabalhista e terceirização irrestrita.

Por isso, é fundamental organizar nosso bloco e atuar de forma unitária para defender nossas aposentadorias.

Juntos, somos mais fortes!

Fonte: Sindipetro-LP

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp