FNP

FNP apoia a greve dos trabalhadores da Pluspetrol Perú S.A.

Solidariedade internacional reforça a luta dos petroleiros peruanos contra o assédio à liberdade sindical.   Em carta enviada na última semana, a Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) expressou total apoio à luta do Sindicato Unitário de Trabajadores de Pluspetrol Perú S.A. (SUTRAPPEC) e da categoria petroleira peruana. Petroleiros das plantas de Malvinas (Cusco) e Pisco (ICA) da Pluspetrol iniciaram uma greve, na última quarta-feira (13/03), por melhores salários – pleito reivindicado há pelo menos oito meses –  e enfrentam assédios e obstáculos a sua liberdade sindical. Os ataques da direção da empresa visam impedir a adesão do conjunto de trabalhadores à greve, uma evidente violação de direitos trabalhistas. Em meio a esse cenário, a solidariedade internacional é fundamental para encorajar as lutas da classe trabalhadora. “Entendemos que é preciso cada vez mais fortalecer a unidade dos trabalhadores do setor de petróleo e gás em nível continental e mundial, visto que o capital atua de modo coordenado internacionalmente para explorar a classe e rebaixar cada vez mais nosso nível de vida”, diz a carta da FNP. A Federação Nacional dos Petroleiros se coloca à disposição para apoiar a mobilização dos petroleiros peruanos a atingir seus objetivos por justiça e dignidade.  

LEIA MAIS
Brasil

Nota de pesar e solidariedade

A Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) recebeu com indignação e pesar a notícia do assassinato do médico Diego Bomfim, irmão da deputada federal Sâmia Bomfim (PSOL) e cunhado do deputado federal Glauber Braga (PSOL), que aconteceu na madrugada desta quinta-feira (05/10), na orla da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ). A direção da FNP manifesta toda a solidariedade aos companheiros parlamentares Sâmia e Glauber e aos demais familiares e amigos de Diego. E também se solidariza com os parentes dos médicos ortopedistas Marcos de Andrade Corsato e Perseu Ribeiro Almeida, que também faleceram nessa brutal tragédia. A categoria petroleira se coloca em compasso de atenção na espera por justiça e requer investigações céleres, que possam elucidar as motivações, os mandatários e os executores deste crime estarrecedor, que abalou o Brasil no dia de hoje.  

LEIA MAIS
Brasil

Nota de apoio e solidariedade ao deputado federal Glauber Braga

A Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) vem por meia desta nota manifestar seu firme apoio e solidariedade ao companheiro deputado federal Glauber Braga (PSOL-RJ), vítima de perseguição política e judiciária no estado do Rio de Janeiro. O parlamentar foi multado em R$ 1 milhão e teve as suas contas pessoal e de ressarcimento bloqueadas pelo juiz Sérgio Louzada, da 2ª Vara Cível da Comarca de Nova Friburgo (RJ). A justificativa é de que Glauber teria supostamente endossado o descumprimento de uma decisão liminar, que impedia o ato de apoio à deputada estadual Marina do MST (PT-RJ) – a parlamentar foi atacada por uma horda de bolsonaristas em meados de agosto, no mesmo município fluminense, quando tentou realizar uma plenária do seu mandato. A FNP repudia veementemente tanto as agressões sofridas por Marina do MST como os desdobramentos jurídicos que agora atingem não apenas Glauber Braga, mas toda a sociedade brasileira. Essa decisão é uma clara afronta ao Estado Democrático de Direito. É demasiado preocupante que o Poder Judiciário aja no intuito de cercear as liberdades de manifestação, de expressão e de reunião pacífica, que são garantidas na Constituição Federal de 1988, a fim de intimidar um parlamentar federal democraticamente eleito e reconhecido pelo seu compromisso com as causas sociais e da classe trabalhadora. A Federação Nacional dos Petroleiros exige que a decisão judicial contra o deputado federal Glauber Braga seja imediatamente revista pelos tribunais superiores e que as liberdades democráticas sejam respeitadas neste país, onde o povo já escolheu não mais se curvar aos arbítrios de uma ditadura ou de seus apoiadores.

LEIA MAIS

Está gostando do conteúdo? Compartilhe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Categorias